Conforto ambiental e espaço público são privilegiados em projeto de casa-ateliê erguida com alvenaria estrutural no interior de São Paulo | aU - Arquitetura e Urbanismo

Residencial

grupoDEArquitetura, Presidente Prudente, SP. 2016

Conforto ambiental e espaço público são privilegiados em projeto de casa-ateliê erguida com alvenaria estrutural no interior de São Paulo

Valentina Figuerola
Edição 282 - Setembro/2017

Erguida com alvenaria estrutural aparente, a Casa-Ateliê da Vila Charlote ocupa um terreno estreito e alongado (7 m x 21 m), em Presidente Prudente (SP). As características do lote impuseram desafios ao grupoDEArquitetura na criação do projeto, principalmente ao que se refere à organização espacial da construção de uso misto, que abriga a residência e o escritório de arquitetura da autora deste projeto.

A busca pelo conforto ambiental e a gentileza urbana proporcionada pelo recuo frontal (não obrigatório), que estimula o convívio, são outros aspectos marcantes da obra.

A construção ocupa o lote em toda sua largura, sem os recuos laterais. 'Uma área de apenas 7 m de frente define como partido uma ocupação que, necessariamente, deve tocar suas divisas para possibilitar a organização dos usos dos espaços. A partir disso, foram dadas as soluções de iluminação zenital e ventilação cruzada', explica a arquiteta Cristiana Pasquini, fundadora do escritório grupoDEArquitetura.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista aU - Arquitetura e Urbanismo

Outras opções



Destaques da Loja Pini
Aplicativos